Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2014

PRESSÕES DA LIDERANÇA

Você está em meio ao deserto?

TIAGO 1
Prefácio e saudação
1 Tiago, servo de Deus e do Senhor Jesus Cristo, às doze tribos da Dispersão, saúde.

Acerca de provas e tentações
2 Meus irmãos, tende por motivo de grande gozo o passardes por várias provações,
3 sabendo que a aprovação da vossa fé produz a perseverança;

 ___________________________ Pergunta: Você está em meio ao deserto?
Mas Deus no deserto ele te contempla. No deserto ele faz brotar água da rocha, ele faz o impossível virar possível; Louve e adore toque em Jesus pela fé e ele vai agir. Em meio às provações Deus não esquece seu filho ele está testando até onde tu resistes e não há provação que o crente não suporte, porque Jeová rapha ele sabe até onde o seu filho suporta a provação. Ele é JEOVÁ-MAKADESH está santificando seus filhos para nos da vitória.

Sem amor é impossível agradar a Deus.

A paz do senhor a todos.
   Fico eu em meio aos pensamentos, por longo tempo me perguntando; Deus meu como pode eu ter andado por todo esse tempo sem entender e sem ouvir? Sem entender sua palavra e sem ouvir a tua voz no meu coração.
Mas hoje glorifico e exalto teu nome, que és grande digno de toda honra e toda a glória, graças a tua benignidade a tua graça me salvou.
Que possamos sentir o amor de Deus em nossos corações e vivamos segundo seus ensinamentos.
Sem amor meus amados é impossível agradar a Deus. Assim como também a treva não habita na luz, aquele que tem amor de Deus no seu coração não terá espaço para ódio rancor ou qualquer sentimento semelhante a estes.

I CORINTIOS 13

A suprema excelência do amor (ou caridade)

1 Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o címbalo que retine.

2 E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda fé, de maneir…

A FÉ SE MANIFESTA EM OBRAS

Imagem
Texto Áureo Mt. 5.16 – Leitura Bíblica Tg. 2.14-26

INTRODUÇÃO: As obras dos cristãos não podem ser incompatíveis com sua fé, na verdade, diante dos homens, a fé somente pode ser demonstrada por meio das obras. Na aula de hoje atentaremos para essa relação necessária na vida cristã. Os teólogos costumam explicá-la utilizando duas palavras: ortodoxia (doutrina correta) e ortopraxia (prática correta). Além dessa relação, destacaremos, nesta lição, que somos sal da terra e luz do mundo, e nos voltaremos para alguns exemplos bíblicos de fé manifesta por meio das obras.



1. A RELAÇÃO ENTRE FÉ E OBRAS: Em sua Epístola Tiago destaca que há uma relação direta e necessária entre a fé (ortodoxia) e obras (ortopraxia). Existe uma tendência aos extremos no movimento evangélico, aqueles que defendem que devemos priorizar a fé, e outros, esse ao que me parece maioria, que defende meramente a prática. Mas uma não se sustenta sem a outra, não existe uma prática apropriada a menos que essa esteja alicerça…

Temperança: o autocontrole pelo Espírito Santo

Imagem
Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança. Contra estas coisas não há lei” (Gl 5.22,23). Nesta última reflexão sobre o Fruto do Espírito Santo, analisaremos a temperança, atributo essencial para a vida diária do cristão em seu aspecto espiritual e nos seus relacionamentos interpessoais. A temperança é o domínio próprio das paixões, desejos ou impulsos da natureza humana. Pode ser traduzido também como a autodisciplina, o controle sobre a vontade e a força da mente guiada por Cristo sobre as inclinações naturais. Um cristão sóbrio possui, pelo Espírito Santo, a capacidade de controlar ou equilibrar suas ações e emoções. Esta sobriedade é característica de um crente maduro e que tem sua vida guiada pelos parâmetros da Palavra de Deus (I Pe 4.2). A atuação da temperança no nosso viver diário é resultado de um árduo e diligente exercício em nossa personalidade. É a submissão de nossos caprichos à vontade do Espírito de Deus, …

A essência da adoração

Imagem
Esperamos que esta meditação seja de benção para sua vida. “Então Jó se levantou, e rasgou o seu manto, e rapou a sua cabeça, e se lançou em terra, e adorou. E disse: Nu saí do ventre de minha mãe e nu tornarei para lá; o Senhor o deu, e o Senhor o tomou: bendito seja o nome do Senhor. Em tudo isto Jó não pecou, nem atribuiu a Deus falta alguma”(Jó 1.20-22). Estas palavras do servo de Deus, pronunciadas em meio às tragédias que lhe sobrevieram, expressam um sentimento nobre que deve ser peculiar a todo cristão: um amor incondicional ao Senhor, mais relevante que todos os benefícios terrenos que se possa obter. Jó havia sido acusado por Satanás de mercantilismo espiritual, ou seja, o diabo afirmava que ele adorava a Deus como retribuição pelas riquezas que havia recebido, pela prosperidade material e reputação que gozava como o homem mais rico do Oriente (Jó 1.3). Porém, o Senhor confiava na lealdade e convicções de Jó, respaldando sua fé ao permitir os ataques impiedosos do inimigo. Ao r…

Como Inspirar Seu Marido a Ser um Líder

Imagem
Vivemos em tempos difíceis. Todo caos estabelecido no mundo veio e vem sempre da desobediência aos princípios divinos. Ao criar o mundo, Deus viu que tudo era bom. Natureza, homem e mulher, cada qual no seu lugar e cumprindo o seu papel, geravam a harmonia na criação. E então surge a primeira rebelião que traria consigo a desordem no mundo. Como se deu? Pela desobediência da mulher, ao passar por cima da ordem dada por Deus, não a ela, mas a Adão, seu marido. Adão, por sua vez, enfraquece a sua autoridade quando aceita pecar contra Deus.
É lá no Éden que vemos os primeiros sinais de enfraquecimento da autoridade masculina. Deus fez o homem para dominar. A mulher, feita do homem, foi criada para ser sua correspondente, ajudá-lo no seu trabalho. Feita igual ao homem em valor e honra, mas criada para cumprir um papel bem diferente. Dotada de habilidades diferentes das do homem, Eva foi feita para gerar e nutrir a vida ao lado do seu marido. Quando falamos da importância da mulher permane…